Electroencefalograma - EEG


    • É uma técnica com a qual se regista a actividade eléctrica do cérebro.

    • É parecido com o electrocardiograma, o exame de rotina ao coração, mas é realizado na cabeça.


    O EEG não é uma técnica nova:
    • Durante muitos anos foi usado como exame de rotina em doenças neurológicas e psiquiátricas.

    • Com o aparecimento de novas técnicas de imagem (TAC, Ressonância Magnética), o EEG perdeu importância, tendo passado a ser utilizado sobretudo no diagnóstico de epilepsias.


    Nos últimos anos:
    • Renascimento deste método!

    • Devido a novas tecnologias (computadores), o EEG consegue detectar relações entre alterações da actividade eléctrica, que podem sugerir determinadas doenças.

    • Nos doentes confusos, desorientados ou com problemas de memória, o EEG é um método rápido de distinção entre doenças degenerativas (demências) ou influência de outros factores.

    • Também para determinar influências de medicamentos ou para distinguir entre doenças metabólicas, infecções ou intoxicações o EEG é um método importante de aproximação ao diagnóstico.